Coberturas
PSD assume duas importantes Secretarias Regionais em Fortaleza
Home Últimas Notícias PSD assume duas importantes Secretarias Regionais em Fortaleza

O PSD, presidido no Ceará pelo ex-vice-governador Domingos Filho, assume as Secretarias Regionais II e V na gestão do prefeito eleito Sarto Nogueira. O anúncio foi feito na noite desta quinta (7). Os nomes que irão representar a legenda são os de Moacir Soares e Rennys Frota.

Na regional II, o comado fica com Rennys Frota. Com a nova reestruturação da capital, a área será responsável por 11 bairros (Meireles, Aldeota, Varjota, Papicu, De Lourdes, Cais do Porto, Mucuripe, Vicente Pinzon, Joaquim Távora, Dionísio Torres e São João do Tauape).

A regional V ficará sob a gestão de Moacir Soares. A secretaria abrangerá 5 bairros (Granja Lisboa, Granja Portugal, Bom Jardim, Siqueira e Bonsucesso). Como executor de políticas públicas no campo social e na saúde, Moacir conduzirá agora ações nas áreas de saúde, educação, esporte, lazer e serviços urbanos.

Moacir Soares é pedagogo , psicólogo e mestre em saúde com mais de 30 anos de experiência na vida pública em diversas administrações municipais. Foi Secretario de Saúde dos Municípios de Tauá, Crateús e Caucaia e Secretario de Turismo de Fortaleza.

Rennys Frota é formado em direito pela UNIFOR, foi diretor-presidente da Cogerh, exerceu a função de coordenador de Análises Jurídicas e o cargo de diretor de Desenvolvimento Tecnológico e Produção do DNOCS, além da Secretaria dos Recursos Hídricos. Atualmente era o Secretario-Executivo da Regional I.

Para o presidente estadual do partido, Domingos Filho, os nomes indicados pelo PSD terão pela frente o desafio de contribuir com o prefeito de Fortaleza em duas importantes regionais.

“Tenho certeza que o nosso partido irá contribuir com a gestão municipal liderada pelo prefeito Sarto no desenvolvimento de políticas que assegurem ações e investimentos públicos capazes de atender as crescentes demandas sociais, decorrentes do estado de calamidade pública em saúde, que afeta diretamente a economia e a vida das pessoas, que passam a depender mais dos serviços públicos locais”, afirmou.

Veja Mais