Coberturas
Ceará recebe o segundo lote de vacinas contra a Covid-19
Home Últimas Notícias Ceará recebe o segundo lote de vacinas contra a Covid-19

 

Mais 72.500 doses para imunizar a população contra a Covid-19 chegaram ao Ceará na noite deste sábado (23). Este é o segundo lote que o Estado recebe como parte do Plano Nacional de Imunização. Dessa vez, as vacinas enviadas foram as produzidas pela Oxford/AstraZeneca, do lote de dois milhões que vieram da Índia para o Brasil. O governador Camilo Santana acompanhou a chegada do material no Aeroporto de Fortaleza. Ao lado dele estiveram o prefeito de Fortaleza, José Sarto, e os secretários da Saúde, Dr. Cabeto (Estado) e Aline Gouveia (adjunta da SMS, de Fortaleza).

“Acabamos de receber as primeiras dose da vacina da AstraZeneca. É mais um passo importante. Essa vacina é a que tem a parceria da Fiocruz com Oxford e que, em breve, a Fiocruz vai estar produzindo aqui no Brasil, com perspectiva de produção de 15 milhões de doses a partir do momento que o IFA (Insumo Farmacêutico Ativo) chegar da China”, comentou Camilo Santana.

 

 

Diferente da vacina Coronavac, da qual o Estado recebeu 218 mil doses na última segunda-feira (18) e usará para imunizar 109 mil pessoas com a aplicação de duas doses no intervalo de três semanas, a vacina de Oxford/AstraZeneca permite que a segunda porção do imunizante seja aplicada até 90 dias depois, possibilitando que o Estado use todo esse lote em pessoas diferentes. “A vantagem dessa vacina, já orientado pelo Ministério da Saúde, é que vamos poder usar todas as doses, porque a segunda dose dela poderá ser feita até com 90 dias. Até lá já há uma programação de remessas de novas doses para a população que vai receber essa dose da AstraZeneca nos próximos dias”, explicou o governador.

O chefe do Executivo estadual comunicou que um novo lote de vacinas deve chegar ao Ceará já esta semana. “A Anvisa aprovou a autorização para a Coronavac já produzida no Brasil. O Butantan já produziu 4,8 milhões de doses. Em breve, nos próximos dias, a gente vai receber mais vacinas da Coronavac, que vai nos permitir avançar na vacinação”, ressaltou Camilo.

Distribuição

Neste domingo haverá uma reunião entre o Governo do Ceará e as prefeituras para que sejam definidos os critérios de distribuição do imunizante, informou Dr. Cabeto. “Hoje, analisamos os dados epidemiológicos região por região, município por município, e amanhã de manhã a equipe da Secretaria da Saúde vai se reunir para apresentar ao governador e aos prefeitos a proposta de distribuição. Temos ainda os profissionais de saúde e evidentemente os outros que fazem parte do grupo 1. (As vacinas) não são suficientes ainda para cumprir todo o grupo 1, então é preciso que essas medidas tenham um cunho muito técnico e estratégico para que tenham o maior alcance no menor tempo possível” enfatizou o secretário.

José Sarto ressaltou a relevância do início da imunização da população, mas lembrou que esse é um processo lento e que ainda é preciso manter os cuidados. “Essa é mais uma etapa que a gente consegue avançar com o recebimento desse lote de vacinas. É importante dizer que essa é uma luta dia a dia que a gente vai vencendo passo a passo, mas ainda estamos em uma pandemia e é preciso que a gente compreenda que a vacina é um avanço, mas que é importante o cumprimento do protocolo orientado”, disse o prefeito de Fortaleza.

Veja Mais