Últimas Notícias
Ricardo Cavalcante apresenta Hub do Hidrogênio Verde ao Secretário do Meio Ambiente do Estado e ao Superintendente da Semace
Home Últimas Notícias Ricardo Cavalcante apresenta Hub do Hidrogênio Verde ao Secretário do Meio Ambiente do Estado e ao Superintendente da Semace

 

 

Na tarde desta segunda-feira (05/07), o Presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Ricardo Cavalcante, participou de reunião com o Secretário do Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMA), Artur Bruno, e o Superintendente Estadual do Meio Ambiente (SEMACE), Carlos Alberto Mendes Júnior, para apresentar as oportunidades do Hub do Hidrogênio Verde (H2V) para o desenvolvimento sustentável ambiental e econômico do Estado. O Diretor de Controle e Proteção Ambiental da SEMACE, Adilson Júnior; Joaquim Rolim, Coordenador do Núcleo de Energia da FIEC; e Jurandir Picanço, Consultor do Núcleo de Energia da FIEC e Presidente da Câmara Setorial de Energias Renováveis do Ceará também participaram do encontro.

“Esta é uma chance única de promovermos um mundo mais sustentável, ambientalmente mais justo e também nos tornarmos um dos pioneiros nesse novo futuro. O Hidrogênio Verde ainda será capaz de mudar o perfil socioeconômico do Estado, promovendo geração de emprego e renda através de uma energia limpa”, ressaltou o Presidente Ricardo Cavalcante.

Durante a reunião com os gestores, foram compartilhados os benefícios e as oportunidades do Hub de Hidrogênio Verde, que possibilitará que o Ceará consolide sua vocação em energias limpas e fique na vanguarda da mais nova matriz energética sustentável mundial.

Os convidados ficaram entusiasmados com a ação que está em sintonia com as práticas sustentáveis apoiadas pelos órgãos convidados. O Secretário Artur Bruno, inclusive, se dispôs a levar a temática para ser discutida e ampliada junto ao Conselho Estadual de Meio Ambiente (Coema).

Saiba mais
O Hidrogênio Verde é obtido a partir de fontes renováveis, como a energia eólica e a energia solar, sem a emissão de carbono, através da eletrólise, sendo prática sustentável já adotada em vários países do mundo, e que possibilita a descarbonização do planeta.

O Ceará é visto como uma das regiões mais promissoras para a sua produção, de acordo com relatório da Bloomberg de abril deste ano, e poderá aplicar a produção energéticas em diversas frentes, como a da exportação de energia e amônia verde, além da implantação no mercado local em plantas industriais, equipamentos, veículos, entre outros.

Veja Mais