Coberturas
Proposta de LDO garante continuidade de programas do Fortaleza 2040 no Orçamento para 2021
Home Últimas Notícias Proposta de LDO garante continuidade de programas do Fortaleza 2040 no Orçamento para 2021

A Câmara Municipal de Fortaleza, durante sessão plenária virtual nesta quarta-feira, 15, encaminhou para as Comissões Técnicas o projeto de lei nº 115/2020, que dispõe sobre a Lei de Diretrizes Orçamentária para 2021. A proposta direciona a elaboração da Lei Orçamentária Anual, tendo como base a Lei de Responsabilidade Fiscal e as metas a serem cumpridas pelo Município atendendo aos preceitos constitucionais (Constituições Federal e Estadual e Lei Orgânica do Município de Fortaleza).

Em mensagem, o prefeito Roberto Cláudio reforça o cumprimento das metas estabelecidas pelo Plano Plurianual 2018-2021 e o projeto Fortaleza 2040.

“A elaboração desse Projeto de LDO 2021 incorporou o elenco de sugestões viáveis, norteadas pelos princípios da transparência e publicidade e que contaram com a participação social, por meio dos diversas iniciativas desenvolvidas pela gestão municipal, com destaque para a elaboração do Plano Fortaleza 2040, a efetivação dos ciclos participativos orçamentários anuais, a realização de diversas consultas à população para selecionar projetos usando a plataforma @avalie e as reuniões de secretariado ampliadas que valorizam a participação dos Agentes de Cidadania eleitos pela comunidade para representar os territórios da cidade”, destacou o chefe do Executivo.

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) foi criada pela Constituição de 1988 para estabelecer uma relação entre o planejamento de médio prazo, previsto no Plano Plurianual (PPA), e o de curto prazo, definido pela Lei Orçamentária Anual (LOA). É a única lei que tem prazo constitucional para ser aprovada pelo Congresso Nacional: até 30 de junho de cada exercício, para que o Legislativo possa entrar em recesso. ( Fonte: Agência Senado)

A proposta divide as prioridades e metas em dez eixos temáticos: Habitabilidade e Direito à CidadeSegurança Cidadã e do Patrimônio PúblicoMobilidade e Acessibilidade UrbanasSaúde e Bem-EstarDireitos Humanos e Assistência SocialEducação, Conhecimento e InovaçãoUrbanismo, Meio Ambiente e Segurança HídricaDesenvolvimento Econômico; e Planejamento e Gestão Integrados e Participação e Controle Social.

Dentre os programas garantidos pela LDO estão:

Foto: Divulgação/Internet

a) os três níveis de atenção à saúde, a promoção do desenvolvimento integral da primeira infância e interação da prática de atividades para a formação de hábitos saudáveis em espaços prioritariamente em bairros com baixo IDH (Areninhas, Academias ao Ar Livre, Núcleos de Esporte e Lazer);

Centro de Educação Infantil Airton José Vidal Queiroz
Foto: Mateus Dantas

b) ampliação do acesso e melhoria da qualidade da educação integrada, aperfeiçoamento dos serviços e profissionais com vistas ao fomento e fortalecimento cultural, e desenvolvimento de soluções inovadoras e de tecnologia direcionadas à eficiência da gestão (CEIs Infantil, Escolas de Tempo Integral, creches, eventos em diversos espaços públicos e plataformas para ofertar serviços de modo inovador);

Foto: Mateus Dantas

c) elevação dos patamares de mobilidade e acessibilidade ofertadas aos cidadãos (Bicicletar, ciclovias, ciclofaixas, veículos com combustíveis alternativos) e melhoria da infraestrutura voltada ao transporte público municipal (trinário, binários, miniterminais);

Foto: Mateus Dantas

d) planejamento e execução de ações articuladas para manter ambiente seguro, sadio e equilibrado e contribuir para melhorias do saneamento básico, especialmente nas áreas vulneráveis (parque e lagoas reurbanizados, e orla requalificada).

 

 

 

 

 

 

 

ASCOM/CMFOR

Fotos: Mateus Dantas

Veja Mais