Coberturas
Prisco Bezerra participa de votação histórica do Senado que aprovou decreto de calamidade
Home Últimas Notícias Prisco Bezerra participa de votação histórica do Senado que aprovou decreto de calamidade

Mesmo estando em casa, cumprindo isolamento em razão de ter testado positivo para o coronavírus, o senador Prisco Bezerra participou, nesta sexta-feira (20/03), de votação histórica do Senado Federal. A sessão foi a primeira a ser realizada de forma remota, por meio de aplicativo, e nela os senadores aprovaram por unanimidade decreto presidencial de calamidade pública no Brasil, em razão da pandemia do coronavírus.

Prisco destacou o trabalho que vem sendo feito por prefeitos e governadores de combate ao coronavírus, fazendo referência em especial ao prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio e ao governador Camilo Santana. “No Ceará já foi decretado o fechamento de bares, restaurantes, clubes, barracas de praia, igrejas, além de ter sido estabelecida a suspensão de aulas das escolas públicas e privadas e o ponto facultativo para os servidores que atuam em serviços públicos não essenciais. As medidas são duras, mas têm como objetivo principal salvar vidas”, defendeu.

O Senador aproveitou para fazer um agradecimento aos profissionais de saúde de todo o País, “que estão unidos em um esforço hercúleo para conter a pandemia do coronavírus”. “São pessoas que colocam em risco suas próprias vidas para cumprir sua vocação de atender ao próximo. A todos eles nossa gratidão e solidariedade”, reforçou.

Prisco também parabenizou a equipe do Senado que conseguiu disponibilizar em tempo recorde o sistema de votação. “Esse sistema garante algo fundamental, que é a continuidade dos trabalhos do Senado nesse momento em que precisamos votar medidas importantes, sem descuidar da saúde e da segurança dos servidores e parlamentares”, disse.

O Senador tranquilizou a todos sobre seu estado de saúde, dizendo que está bem e que vai continuar trabalhando em sua residência, em Fortaleza. Ele fez um apelo ainda sobre a importância da quarentena. “A ciência já demonstrou que o isolamento social, em especial num País tão grande como o Brasil, é o melhor caminho”.

Veja Mais