Coberturas
Prefeito Roberto Cláudio anuncia cerca de 500 profissionais para atuar em hospital construído no Estádio Presidente Vargas
Home Últimas Notícias Prefeito Roberto Cláudio anuncia cerca de 500 profissionais para atuar em hospital construído no Estádio Presidente Vargas

Imagem Destacada

Na última  terça-feira (24/03), o prefeito Roberto Cláudio concedeu entrevistas aos programas de Rádio Tribuna Band News 1ª edição (Tribuna BandNews – FM 101,7), do apresentador Nonato Albuquerque, e O Povo no Rádio (O Povo CBN – FM 95.5), do radialista Luiz Viana. Por telefone, o Gestor elencou as mais recentes ações realizadas pelo Município para o enfrentamento à Covid-19 em áreas como saúde, educação, mobilidade e infraestrutura.

“Nesse momento, o pico do coronavírus que se apresenta em Fortaleza é aquele que o isolamento social se torna a medida mais eficaz. É importante que o cidadão incorpore essa prática, em especial aqueles com mais de 60 anos. Esses, de todas as maneiras, precisam ficar em casa”, declarou Roberto Cláudio.

Obras do hospital de campanha no Estádio Presidente Vargas

O Prefeito lembrou que, nesta segunda-feira (23/03), foram iniciadas as obras de uma nova estrutura hospitalar temporária para assistir os pacientes com coronavírus. Com expectativa de entrega para o dia 20 de abril, o equipamento está sendo construído dentro do estádio Presidente Vargas e contará com 204 leitos. Toda a base em concreto e estrutura de saneamento, água, hidrelétrica e gases está sendo montada em uma área de 3.500m².

Sobre como será sanada a demanda de profissionais para o novo espaço, Roberto Cláudio declarou: “Estimamos 500 profissionais nessa nova unidade hospitalar. Temos trabalhando conosco uma organização da Escola Paulista de Medicina, que já está recrutando pessoal daqui e de fora do Ceará.”

Ampliação no número de leitos de UTI no IJF2

Sobre as ações no IJF2, Roberto Cláudio destacou que boa parte do equipamento se transformará em leitos de UTIs, sendo um total de 175 só para pacientes diagnosticados com Covid-19. Os primeiros 10 novos já foram entregues e, até o começo de abril, serão 52. Progressivamente, a unidade contará com o número total de leitos do tipo disponibilizados até o final de maio.

Campanha de vacinação

O Prefeito tirou dúvidas de ouvintes e afirmou que a campanha que se iniciou nesta segunda (23/03) não é uma vacinação para o coronavírus, mas para gripe comum. Ressaltou, ainda, que a população contará com 100% dos postos vacinando, além de 200 escolas públicas, drive-thru de vacina em alguns shoppings e universidades.

A ação ocorre por dias determinados para os grupos de risco e por ordem alfabética, sendo divulgados no Portal da Prefeitura e nas rádios. Tudo para evitar a aglomeração de pessoas e maior contaminação.

Pessoas acima de 80 anos e aqueles entre 60 e 79 anos que estejam acamados ou com doenças que não permitem mobilidade extra residência, serão vacinados em casa.

Kits de alimentação para alunos da Rede Municipal

“Já começamos a entrega desde segunda-feira (23/03). Nossa ideia é que ao longo da semana a gente entregue um pouco mais de 230 mil kits, de forma gradual e segmentada, para que todas as crianças recebam, fazendo anúncio por escola e série, para evitar aglomeração. Já montamos os kits e pedimos paciência para que as pessoas possam pegá-los sem transtornos e no dia correto”, explicou Roberto Cláudio.

Oferta de ônibus

Questionado sobre a diminuição de ônibus na Cidade, o Prefeito afirmou que Fortaleza conta com frota maior que o normal para o número de passageiros que utilizam o meio de transporte neste momento. “Estamos com o dobro da oferta, rodando com mais ou menos 25% da demanda de passageiros. Tenho acompanhado os dados em horário de pico, com terminais completamente vazios e ônibus andando em horário de pico com a metade de passageiros dos dias normais. O que aumentou, de fato, foi o tempo entre um ônibus e outro na parada”, disse.

O Gestor comentou, ainda, que eventualmente podem ocorrer problemas, como os que aconteceram em duas linhas de vans, mas que essas são questões pontuais que já estão sendo observadas e resolvidas.

Obras municipais

Sobre o Decreto que saiu nesta segunda (23/03), que determina a paralisação e continuidade de obras em Fortaleza, Roberto Cláudio esclareceu quais tipos de intervenções continuam. “Serão mantidas obras somente emergenciais, aquelas de saúde e de risco de alagamento. Todas as obras que cavamos buracos, com rede de drenagem e esgoto vamos continuar para não colocar o cidadão em outro risco, no caso de alagamentos. Essas obras serão realizadas com número menor de operários, proibindo também que trabalhadores maiores de 60 anos trabalhem”, concluiu.

Compartilhe:
Veja Mais