Coberturas
Feder recusa convite de Bolsonaro para ser ministro da Educação
Home Últimas Notícias Feder recusa convite de Bolsonaro para ser ministro da Educação

 

O secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, afirmou ter recusado o convite do presidente Jair Bolsonaro para assumir a pasta da Educação.

Em seu Twitter, ele escreveu: “Recebi na noite da última quinta-feira uma ligação do presidente Jair Bolsonaro me convidando para ser ministro da Educação. Fiquei muito honrado com o convite, que coroa o bom trabalho feito por 90 mil profissionais da Educação do Paraná”.

No entanto, complementou: “Agradeço ao presidente Jair Bolsonaro, por quem tenho grande apreço, mas declino do convite recebido. Sigo com o projeto no Paraná, desejo sorte ao presidente e uma boa gestão no Ministério da Educação”.

Feder foi alvo de ataques de uma parte da ala bolsonarista. Alguns apoiadores do presidente declararam que ele estaria divulgando livros de ideologia de gênero nas escolas do Paraná.

“Não sou vinculado a qualquer instituição educacional privada e a nenhuma ONG. É falso que tenha havido divulgação de livros com ideologia de gênero no Paraná. Não existe nenhum material com esse conteúdo aprovado ou distribuído pela Secretaria”, ressaltou.

 

Fonte: Focus.Jor

Veja Mais