Coberturas
Escola de Saúde Pública supera meta e capacita mais de 300 profissionais de saúde para o uso do capacete Elmo no Ceará
Home Últimas Notícias Escola de Saúde Pública supera meta e capacita mais de 300 profissionais de saúde para o uso do capacete Elmo no Ceará

Ceará supera meta e capacita mais de 300 profissionais de saúde para uso do capacete  Elmo

 

A Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP), vinculada à Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), já realizou capacitações presenciais para uso do capacete Elmo a mais de 300 profissionais de saúde da rede pública no Ceará.

Os treinamentos do suporte foram planejados, inicialmente, para capacitar 285 profissionais de saúde da rede pública até março. A meta foi atingida em menos de dois meses.

O equipamento é recomendado para pacientes com insuficiência respiratória, incluindo a causada pela Covid-19.

Iniciadas em meados de dezembro, as formações são voltadas para médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e engenheiros clínicos.

Idealizador do Elmo, o superintendente da Escola de Saúde Pública, Marcelo Alcantara, diz que uma das etapas do treinamento é entender a indicação do tratamento.

Os profissionais treinados também experimentam a montagem e aplicação do Elmo em um ator, que simula, como se fosse um paciente, as situações do tratamento.

Eles também se tornam multiplicadores do aprendizado aos demais profissionais que atuam na linha de frente da Covid-19.

A enfermeira Denise Fernandes comenta o diferencial da capacitação.

Esta semana, profissionais da rede pública de saúde do Cariri recebem treinamentos em Juazeiro do Norte.

No começo do mês, a Escola de Saúde Pública capacitou 74 profissionais da linha de frente da Covid-19 em Manaus, após doação feita pelo Governo do Ceará de 65 unidades do Elmo.

O projeto do capacete foi desenvolvido pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Saúde, Escola de Saúde Pública e Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap).

Conta ainda com a participação da Fiec – através do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) – Universidade Federal do Ceará (UFC) e Universidade de Fortaleza (Unifor), com o apoio do Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar, ISGH, e Esmaltec.

Veja Mais