Coberturas
Equipamentos comprados durante pandemia reforçarão rede de saúde de Fortaleza
Home Últimas Notícias Equipamentos comprados durante pandemia reforçarão rede de saúde de Fortaleza

 

Após a apresentação do balanço sobre os investimentos feitos na área da saúde desde a atenção primária até a ampliação dos leitos de UTIs  durante a pandemia, os vereadores de Fortaleza puderam fazer questionamentos a secretária Joana Maciel. O momento foi dividido em blocos e vários temas foram abordados, como: Fake News, protocolo de atendimento, gestão hospitalar, entre outros.

Rede de Saúde

O Vereador Elpídio Nogueira (PDT) perguntou sobre o caso da compra dos respiradores. Em resposta, a secretária relatou que havia uma dificuldade de âmbito mundial na aquisição dos respiradores e a empresa que demonstrava a melhor condição de fazer entrega em menor tempo possível, foi aquela em questão.

O presidente da Comissão de Saúde da CMFor, vereador Dr. Porto (PDT) também enalteceu o trabalho da titular da pasta da Saúde e as ações contra à Covid-19. “Se não tivesse o Hospital de Campanha do Estádio Presidente Vargas, muitas vidas teriam sidos perdidas pela doença. A história dirá a todos o quanto foi acertado as ações de isolamento social”, disse.

O vice-presidente da CMFor, Adail Júnior (PDT) destacou a trabalho tanto do Executivo como Legislativo nessa pandemia. O vereador ainda questionou a secretária de saúde se a Cidade estaria preparada para uma segunda onda da doença.

Odécio Carneiro (SD), explanou sobre o momento delicado enfrentado por todos nessa pandemia. “Devemos ter muito equilíbrio, pois estamos saindo de um momento delicado em relação à saúde pública. “Eu sei da dificuldade de fazer a coisa pública no país. Que bom que podemos observar hoje que a curva da contaminação está diminuindo”, disse.

A secretária destacou toda a transparência nas ações de compras efetuadas durante a pandemia pela Prefeitura e que todo o processo de aquisição foi acompanhado por um comitê de governança composto de representantes de órgãos de fiscalização. Ainda em resposta sobre como vai ficar as estruturas e equipamentos de saúde depois da pandemia, a secretária destacou que o SUS vai sair mais fortalecido e que os equipamentos dos hospitais de campanha, depois de desmontados, serão remanejados para as demais unidades de saúde. Joana Maciel também destacou que Fortaleza teria sim, a capacidade de atender um novo pico da doença e acredita que não será preciso novos gastos.

Fake News

Evaldo Lima (PCdoB) demostrou a importância do trabalho desenvolvido pela SMS e se solidarizou a todos os profissionais de saúde que estão no combate ao coronavirus. O vereador indagou sobre os impactos causados pelas Fake News no trabalho da secretaria.

O vereador Michel Lins (PPS) também lamentou a propagação de Fake News e o desserviço que elas vêm causando nas ações da secretaria de saúde no combate à Covid-19. “Lamentamos que a cobrança que alguns vereadores fizeram no Hospital de Campanha do PV tenha sido feita de forma midiática. Devemos fazer ações propositivas que é o papel do vereador”, pontuou.

Joana Maciel destacou sua indignação com o desserviço causado pelas notícias falsas. “As Fake News atrapalham da pior forma nosso trabalho. Teríamos tido um melhor resultado se não fosse a propagação desse tipo de notícia. Devemos fazer um pacto para trabalhar com a verdade e que cada vereador possa repassar as informações de forma correta e de qualidade para termos os melhores resultados.”

Redução de casos de Covid-19

Guilherme Sampaio (PT) destacou que vem acompanhando regularmente os relatórios epidemiológicos e tem visto a estabilização e discreta queda nos números de casos e óbitos. Em pergunta, o parlamentar quis saber se está havendo ou não uma consolidação dos números de casos e o nível de transmissão.

Mairton Félix agradeceu a participação da secretária Joana Maciel e de toda a equipe da saúde. “Ninguém estava preparado para enfrentar essa pandemia, mas graças a Deus que essa curva de contágio está diminuindo em nosso estado. Que a senhora continue exercendo um bom trabalho para que a cidade de Fortaleza possa sair ganhando” finalizou.

Segundo Joana, o índice de transmissão, hoje, em Fortaleza, é de 0,78. Ou seja, que cada pessoa infectada contamina menos de uma pessoa, demonstrando que a transmissão está diminuindo. “Só vamos progredir na flexibilização se os números continuarem diminuindo”, disse Joana Maciel.

A vereadora Bá (PTC) parabenizou administração municipal pelo enfrentamento ao novo coronavírus e enfatizou que está contribuindo para conscientizar a população.

Testagem

Cláudia Gomes (DEM) aproveitou para destacar o trabalho dos profissionais que estão na linha de frente, no atendimentos hospitalar. Indagada sobre a disponibilização de mais testes da doença, a secretária respondeu que os postos de saúde estão preparados para realizar os testes rápidos em pessoas com sintomas da doença.

Dr. Eron (PP), integrante da Frente Parlamentar de Enfrentamento ao Coronavírus da CMFor aproveitou para solicitar da secretária Joana Maciel, que os profissionais de transporte da capital possam também serem incluídos para a realização dos testes da Covid-19. Em resposta a titular da saúde informou que está sendo analisado caso a caso e em breve terá um posicionamento.

Profissionais de saúde

Plácido Filho (PSDB) indagou a secretária sobre a possibilidade de alguma gratificação aos profissionais de saúde que estão envolvidos no combate à pandemia, por parte do município. A gestora da saúde informou que uma possível gratificação já está sendo trabalhada com o secretário de planejamento e que a situação orçamentaria do município está tendo dificuldades. O orçamento aprovado para o ano de 2020 não estava previsto os gastos com à Covid-19.

Depois da apresentação da secretária sobre as ações da pasta da Saúde no combate ao coronavírus, o presidente Antônio Henrique (PDT), parabenizou o trabalho desenvolvido pela SMS e ressaltou o papel do Parlamento, como representante do povo, na fiscalização das ações do Executivo. “Com os números apresentados hoje, podemos observar uma diminuição dos casos em Fortaleza. Observamos a importância das medidas de ampliação dos leitos nos hospitais e se não fossem tomadas essas medidas por parte da Prefeitura, estaríamos num verdadeiro caos. Acredito que vamos vencer esse inimigo.”, pontuou

As reuniões da Frente Parlamentar no Enfrentamento ao coronavírus ocorrem semanalmente com a presença de secretários da gestão pública para apresentação das ações no enfrentamento ao novo coronavírus.

Veja Mais