Coberturas
Encontro na Fecomércio-Ce reúne empresários para discutir sobre os benefícios do transporte de mercadorias por cabotagem fracionada
Home Últimas Notícias Encontro na Fecomércio-Ce reúne empresários para discutir sobre os benefícios do transporte de mercadorias por cabotagem fracionada

A Fecomércio-Ce realizou, na última segunda-feira (27/01), a terceira edição do Ciclo de Palestras 2020, iniciativa que tem o objetivo de esclarecer aos empresários do comércio de bens, serviços e turismo do Estado temas como economia, política, gestão e administração. Na ocasião, Josuel Zimmermann e Edilson Martinez, Gerente Regional Sul/Nordeste e Gerente Comercial, respectivamente, da Costa Brasil, empresa especializada em operações multimodal, falaram ao público sobre a “Cabotagem Fracionada”, tipo de transporte realizado entre os portos da costa brasileira.

O presidente do Sistema Fecomércio, Maurício Filizola, abriu a palestra reforçando o papel da instituição em promover, defender e fazer com que as empresas possam crescer ainda mais. “Estamos aqui para trocar ideias e experiências, além de buscar mais conhecimento e oportunidades de negócios. Cabotagem fracionada já um modal bastante popular em vários países e pode, sim, ser utilizado aqui também”, afirmou.

Edilson Martinez iniciou o encontro pontuado as vantagens da cabotagem fracionada, com destaque para segurança, economia, risco zero de avaria, redução de riscos de acidentes, melhor acompanhamento da rota e baixo impacto ambiental. O Gerente Comercial explicou ainda sobre a importância da “quebra de paradigmas”, ou seja, de os empresários perceberem que a cabotagem fracionada pode ser aplicada ao seu negócio. “Faço um convite para não apenas pensarmos no novo, mas, principalmente, entendermos que é possível fazer esse novo”, disse.

Josuel Zimmermann reforçou a fala de Martinez, destacando ainda que as empresas desconhecem o fato de que é possível fazer o transporte compartilhado com outras cargas nas mesmas condições. Para o Gerente Regional, a cabotagem fracionada impacta diretamente na qualidade e no lucro da organização, além de otimizar todo o processo de logística. “Trata-se, em razão dessas questões, de um modal mais seguro e econômico para o transporte de carga a longas distâncias”, explicou.

Veja Mais