Últimas Notícias
Deputados ressaltam importância das campanhas de vacinação
Home Últimas Notícias Deputados ressaltam importância das campanhas de vacinação

 

A pandemia do novo coronavírus ressaltou o papel fundamental da vacinação da população para a saúde pública e o enfrentamento de doenças. Deputados da Assembleia Legislativa do Ceará destacam a importância das campanhas de vacinação contra a Covid-19 e contra a gripe e da mobilização de toda a população.

No Ceará, segundo dados da Secretaria da Saúde do Estado, foram aplicadas, até o dia 7 de junho, 3.066.573 doses da vacina contra a Covid-19, sendo 1.978.458 referentes à 1ª dose e 1.088.115 à 2ª dose. Em Fortaleza, a vacinação chegou a 1.017.598 doses aplicadas, sendo 688.318 referente à 1ª dose e 329.280 à 2ª dose do imunizante, de acordo com dados da Prefeitura.

O deputado Antônio Granja (PDT), 1º secretário da AL, reitera a importância de que cada pessoa, ao chegar sua vez no plano de vacinação contra a Covid-19, compareça e se vacine com as duas doses. “Só vamos ter dias melhores quando tivermos uma ampla cobertura vacinal”, comenta o parlamentar em entrevista à FM Assembleia.

“É importante que a população continue tomando todos os cuidados, com o distanciamento, o isolamento, a máscara, o álcool em gel. O momento é de dificuldade e não podemos baixar a guarda”, comenta. No Ceará, mais de 20 mil pessoas morreram em decorrência da Covid-19.

O deputado Queiroz Filho (PDT) também enfatiza a importância de cada cearense seguir os protocolos de cadastro e agendamento para a obter as duas doses da vacina. “Lembrando que apenas a primeira dose não garante a imunização esperada. É preciso confiar na ciência! Vacinas salvam vidas!”, destaca.

Presidente da Comissão de Educação da AL, o parlamentar pontua ainda que apenas com a vacinação em massa é possível vislumbrar um retorno a uma rotina normal, com atividades muito importantes, como as aulas presenciais. “O esforço incansável do governador Camilo Santana e dos prefeitos para trazerem vacinas para o Ceará é mais do que justificado, pois se trata do principal meio para combater a pandemia da Covid-19”, complementa.

VACINAÇÃO DA GRIPE

Além da vacinação contra a Covid-19, iniciada em janeiro deste ano, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza mobiliza o sistema de saúde e a população. Em 2021, a campanha começou em abril, está dividida em três fases, e segue até o dia 9 de julho.

O deputado Walter Cavalcante (MDB) indica que, anualmente, busca a vacinação contra a gripe, disponível nas unidades de saúde. “Não deixem de tomar a vacina, a vacina salva, vacina ajuda a não pegar uma gripe, uma pneumonia”, alerta.

A vacinação contra a Influenza abrange a H1N1, H3N2 e o vírus influenza B. No Ceará, nas duas primeiras fases, a campanha teve como foco crianças de 6 meses de idade a menores de 6 anos, gestantes, puérperas, povos indígenas e trabalhadores da saúde, idosos a partir de 60 anos e professores.

A terceira fase da campanha começa nesta quarta-feira (09/06) e vacinará pessoas com comorbidades e com deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo, trabalhadores portuários, forças de segurança e salvamento, forças armadas, funcionários do sistema de privação de liberdade, população privada de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

Os públicos das duas fases iniciais que ainda não se vacinaram podem procurar as unidades de saúde até o fim da campanha para a imunização.

Como as campanhas de vacinação contra a gripe e contra a Covid-19 estão acontecendo de forma concomitante, a população deve ficar atenta ao período de intervalo entre as doses, que deve ser de 14 dias.

Veja Mais