Coberturas
Cid Gomes quer explicações de Guedes sobre tentativa de privatização da CEF
Home Últimas Notícias Cid Gomes quer explicações de Guedes sobre tentativa de privatização da CEF

 

O senador Cid Gomes (PDT-CE) apresentou requerimento à Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal pedindo informações ao ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre a criação do Banco Digital da Caixa Econômica Federal (CEF). No documento, Cid cita matérias jornalísticas que apontam essa medida como “mais um passo para a privatização das melhores fatias de mercado da Caixa Econômica, restando-lhe as partes menos lucrativas e até deficitárias”.

O senador lembrou que, com a pandemia, a Caixa criou um aplicativo para celular, o Caixa Tem, proporcionando a inclusão de milhões de brasileiros que não tinham acesso ao sistema bancário, o que possibilita a geração de novos negócios e fortalece a CEF. “O Caixa Tem agrega valor ao conglomerado Caixa, que angaria maior fatia potencial do mercado do crédito bancário”, avaliou.

Além disso, Cid Gomes lembrou que a Medida Provisória 995/2020 já abriu o caminho para a privatização da Caixa Seguridade, uma parte altamente rentável do conglomerado Caixa, que detém fatia relevante do mercado de seguros do país. “Também já está em curso a venda de sua participação ordinária no Banco Pan, com a venda das ações ordinárias naquele banco de titularidade da Caixapar, braço de participações da Caixa Econômica Federal”, apontou.

De acordo com o senador, todas essas ações são preocupantes porque enfraquecem a Caixa e estão sendo efetivadas sem nenhuma discussão com a sociedade brasileira e com o Congresso. “Quais os benefícios disso tudo para a sociedade brasileira? É imprescindível que o Senado assuma sua posição de fiscalização da coisa pública, e exponha à sociedade brasileira o desmonte da Caixa”, defendeu Cid.

No requerimento, Cid Gomes quer saber se já há solicitação para a criação do Banco Digital junto ao Banco Central, requisitando, inclusive, a íntegra do processo junto ao BC; se seria criado por meio de uma nova empresa; quais os benefícios esperados para a CEF e se há tentativa de privatização ou participação do capital privado em parte do objeto social da CEF que seria apartado em novo CNPJ. O requerimento será apreciado pela CAE e, caso seja aprovado, será enviado ao Ministério da Economia.

Veja Mais