Coberturas
Ceará ultrapassa 400 UTIs para Covid-19 e ganha lei contra fake news
Home Últimas Notícias Ceará ultrapassa 400 UTIs para Covid-19 e ganha lei contra fake news

 

Governador do Ceará, Camilo Santana, atualizou as ações de combate ao coronavírus no Estado, na noite  da últimaquinta-feira (30), incluindo a adição de mais 18 leitos no Hospital Leonardo Da Vinci, a sanção da Lei Anti-Fake News, a distribuição dos cartões vale-alimentação aos alunos da rede estadual de ensino, o recebimento de novos respiradores e o lançamento da agência de checagem de dados e notícias Antifake CE.

Novas UTIs

O Governo do Ceará habilitou no Hospital Leonardo da Vinci mais 18 novos leitos de UTI. “Abrimos mais 18 leitos públicos de UTI para atender exclusivamente pacientes com coronavírus no Ceará. A situação é muito grave, com rápido aumento de casos e rápida ocupação de leitos, mas tudo temos feito para atender nossa população. Estou cada vez mais firme nessa missão”, informou o governador.

Camilo listou ainda que, desde o início da pandemia no Estado, já foram abertos mais de 400 leitos com UTIs, e outros 600 leitos para casos mais leves ou para pacientes em recuperação. Além disso, via Centro de Distribuição, a Sesa já envia mais EPIs, equipamentos e testes para todos os municípios cearenses.

Mais respiradores

“Foi confirmado que decolará no próximo sábado (2) um avião da China que trará 300 respiradores comprados pelo Consórcio Nordeste, sendo que 30 deles virão ao Ceará, com chegada prevista para a próxima quarta-feira (6). Mais uma medida que reafirma a importância da união dos estados do Nordeste no combate à essa pandemia, e que chegarão para ampliar a rede de leitos com UTI no nosso Estado”, afirma Camilo.

Além destes, o Governo do Ceará, em parceria com a Prefeitura de Fortaleza, já ganhou na Justiça Federal, através do Ministério Público do Ceará (MPCE) e o Ministério Público Federal (MPF), o direito de receberem mais 94 respiradores, que estão de posse da União. A empresa, que tem sede em Cotia (SP), deixou de entregar os respiradores destinados a equipar unidades do Sistema Único de Saúde (SUS) em território cearense. De acordo com a Intermed, as máquinas teriam sido retidas pelo Ministério da Saúde. “Essa decisão foi uma grande vitória para o Ceará, e vai nos possibilitar abrir mais 94 leitos aqui em Fortaleza”, celebrou o governador.

Fake News

Diante dos inúmeros casos de notícias falsas e uma constante desinformação gerada em um período de pandemia, o governador do Ceará sancionou uma Lei contra Fake News, com publicação agendada para o Diário Oficial desta quinta-feira (30). De autoria da deputada Augusta Brito, com a consultoria de Fernando Santana, Guilherme Landim e Salmito Filho, que estabelece multa (de 50 a 500 UFIRCEs) para quem divulgar, por meio eletrônico ou similar, notícias falsas – Fake News – sobre epidemias, endemias, e pandemias no estado Ceará.

“Além da Lei, criamos também no Governo do Ceará uma agência de checagem de notícias falsas, alocada em nosso site. Estamos fazendo isso, pois estamos recebendo uma quantidade gigantesca de boatos e falsas notícias. Em um momento de tanta responsabilidade, precisamos ser serenos. Não é hora de fazer campanha eleitoral com isso, nosso inimigo é comum, um vírus invisível que está tirando a vida de famílias cearenses”, ponderou o governador.

A Antifake CE é uma agência oficial para checagem de dados e estabelecimento da verdade em temas ligados à administração pública estadual. O objetivo da plataforma online é combater de forma rápida e objetiva a propagação de notícias imprecisas, exageradas ou mentirosas que possam levar desinformação aos cearenses. Formada pelas equipes técnicas e de comunicação das secretarias e órgãos vinculados, o grupo esclarece dúvidas, recebe denúncias e combate os efeitos das informações falsas com conteúdo e embasamento técnico.

Vale-alimentação

O Governo do Estado iniciou ontem a distribuição dos cartões de vale-alimentação para os 423 mil alunos da Rede Estadual de Ensino. Cada estudante receberá o benefício de R$ 80, em duas parcelas. “Quero parabenizar a Seduc pela organização e cuidado na entrega dos cartões por todo o Ceará, respeitando toda a regra de distanciamento, evitando aglomerações, e com a higienização necessária neste período de pandemia. O vale-alimentação é mais uma ação social importante do Governo do Ceará para minimizar os efeitos do coronavírus aos cearenses”, disse Camilo.

Isolamento social

O governador lamentou que o isolamento social não esteja sendo cumprido no Ceará, e lembrou que os casos no Brasil já ultrapassaram os da China. “Faço uma apelo à população cearense, da importância do distanciamento e isolamento social. Esse vírus mata qualquer classe social, e qualquer idade. Vai sair por uma necessidade? Por favor, use a máscara em todos os ambientes”, finalizou Camilo Santana.

Veja Mais