Coberturas
Alexandre Pereira lança sua candidatura à Prefeitura de Fortaleza nesta quarta-feira(29)
Home Últimas Notícias Alexandre Pereira lança sua candidatura à Prefeitura de Fortaleza nesta quarta-feira(29)

O ex-secretário municipal do Turismo, Alexandre Pereira, lança hoje sua candidatura à Prefeitura de Fortaleza pelo Cidadania em um debate transmitido ao vivo com o prefeito Roberto Cláudio (PDT). Segundo ele, a pré-candidatura integra “um projeto coletivo, a partir de um convite do prefeito Roberto Cláudio e do Senador Cid Gomes”.

O empresário conta que já manifestava o desejo de disputar a Prefeitura da capital cearense, mas, com a pandemia do novo coronavírus e todos os empecilhos – inclusive econômicos – que ela trouxe, avaliou que deveria deixar esse projeto para o futuro. “Mas o prefeito e o senador Cid [Gomes] entenderam que era importante que eu ficasse à disposição, dentro do contexto do grupo político”, explica.

Com isso, além dos cinco possíveis candidatos que o PDT já divulgou – Ferrúcio Feitosa, José Sarto, Idilvan Alencar, Samuel Dias e Salmito Filho –, integram também como opções para representar a base governista o agora pré-candidato pelo Cidadania. Além dele próprio, conta Alexandre Pereira, ainda são avaliadas as candidaturas de Élcio Batista (PSB) e Nelson Martins (PT) como possíveis nomes de outras legendas para dar continuidade à gestão de Roberto Cláudio. “Evidentemente que o candidato que for escolhido será apoiado por todos, então é dentro desse contexto que estamos. O partido está muito empolgado tanto nacionalmente quanto com a chapa de vereadores, dentro do contexto da cidade”, diz.

A perspectiva do partido para a Câmara Municipal é eleger três vereadores. No interior, são 17 candidaturas majoritárias computadas – 12 para prefeito e 5 para vice-prefeito –, entre as quais ele destaca o município de Maracanaú, Cascavel, Quixadá, Monsenhor Tabosa e Campos Sales. Em Maracanaú disputará o deputado Júlio César Filho, líder do governo na Assembleia.

Turismo

Alexandre Pereira também avaliou a situação do turismo – tendo comandado essa área na gestão de Roberto Cláudio – no período da pandemia. “Foi o setor mais atingido, o primeiro atingido e vai ser o último a se recuperar. Em Fortaleza a gente vinha experimentando um crescimento extraordinário, primeiro lugar em sites de buscas de turismo nacionais e internacionais, o segundo maior Réveillon do mundo”, conta. No entanto, ele acredita que, com a retomada gradual que se vê hoje e a perspectiva de entrega das obras da nova Beira Mar para outubro, o setor possa se recuperar ano que vem.

Veja Mais