Coberturas
Assis Cavalcante espera aumento nas vendas do comércio neste final de ano
Home Últimas Notícias Assis Cavalcante espera aumento nas vendas do comércio neste final de ano

 

O presidente da CDL de Fortaleza, Assis Cavalcante, está com uma expectativa positiva em relação às vendas de final de ano, pois o Natal é considerada a melhor data para o comércio varejista. Entretanto, tendo em vista o ano diferenciado que o País e o mundo estão vivendo, não quis arriscar um percentual de crescimento.

“Nossa expectativa para as vendas de Natal são boas, porque existe a injeção do 13º salário na economia – tanto no setor público quanto no privado – e este recurso extra acaba animando os consumidores. Além disso, houve um decréscimo nas vendas em novembro e esta demanda reprimida deve ser liberada este mês”, explicou.

E para auxiliar o desempenho do comércio neste fim de ano, a CDL de Fortaleza inicia na próxima quinta-feira (10), a campanha especial de Natal, que objetiva dar um estímulo a mais para que os consumidores possam ir às compras, visando presentear as pessoas que amam.

“Neste fim de ano teremos a nossa campanha “Natal de Prêmios”, que se assemelha ao Fortaleza Liquida e vai de 10 a 30 deste mês. Os participantes concorrerão ao sorteio de um automóvel Toyota zero quilômetro, uma motocicleta e vários televisores. Então, creio que deverá ocorrer um aumento nas vendas neste período”, afirmou Assis.

Ele ressaltou que a Black Friday deste ano registrou um movimento muito bom no caso de eletroeletrônicos, eletrodomésticos e materiais de construção, principalmente para aquelas empresas que estavam preparadas para atuar com força no comércio eletrônico.

“Acredito que as informações falsas de que haveria um lockdown este mês atrapalharam um pouco o desempenho da Black Friday. Um fato interessante foi o aumento de 30% nas vendas de material de construção pelo e-commerce, sendo que 50% destes consumidores foram buscar o material adquirido nas lojas físicas”, observou Assis Cavalcante.

 

Fonte: Baladain

Veja Mais