Coberturas
Antônio Henrique propõe instalação de pedalinho na Lagoa do Mondubim
Home Últimas Notícias Antônio Henrique propõe instalação de pedalinho na Lagoa do Mondubim

 

Idealizada como um espaço público de receptividade pela população da Vila Manuel Sátiro, a Lagoa do Mondubim é um lugar vivo, pulsante, utilizado para a prática de esporte e lazer para crianças, jovens e adultos que moram no seu entorno. Abraçado pelos moradores da região, o local retrata o passado e o presente da comunidade.

Reconhecendo o papel do espaço para a população, a Câmara Municipal de Fortaleza aprovou nesta sexta-feira, 16, o projeto de indicação nº 540/2021, de autoria do vereador Antônio Henrique (PDT), sugere à Prefeitura de Fortaleza a implantação de uma estação para atividades aquáticas na Lagoa do Mondubim, que incluem o pedalinho, caiaque e stand up paddle (surf com remo). A proposta tem como objetivo incentivar novos formatos de lazer e esporte no local.

“Próximo da Lagoa do Mondubim, nós temos um grande equipamento (Cuca), e eu apresentei esse projeto pensando numa integração entre os espaços de lazer e a prática de esportes, que podem ser desenvolvidos na lagoa. A Lagoa do Mondubim será um novo cartão-postal de Fortaleza e vai se tornar um local de passeio e lazer para muitas famílias” declarou o parlamentar.

Apoio dos parlamentares

A vereadora Tia Francisca (PL), também moradora do bairro, fez um discurso afetivo sobre a Lagoa. “Gostaria de lhe parabenizar por essa preocupação com a lagoa do Mondubim. Estive lá e vi o jardim, é realmente um encanto e o povo tem um carinho por aquele local. Aquela lagoa tem muita história na minha vida. Eu acho lindo sua defesa por este lugar, pois é lá onde nossas crianças podem brincar, as pessoas podem fazer caminhadas, idosos levam seus cachorrinhos. A nossa lagoa traz vida pra gente, é um pedacinho de céu e vai ser um encanto para todos nós”.

Comprometido com as causas ambientais no parlamento municipal, o vereador Gabriel Aguiar (PSOL) ressaltou a importância de requalificar os espaços públicos e fortalecer os laços com as comunidades. “Para potencializar tudo que está sendo dito, todas essas iniciativas como o pedalinho, o caiaque, a recreação, o banho de lagoa, a gente precisa olhar com muito carinho e dedicação para o investimento de despoluição das lagoas, para a recuperação da mata auxiliar que circunda as lagoas para que elas se tornem lagoas vivas e que possam interagir com a população de novo. Precisamos ter um olhar sensível a ecologia das lagoas”, evidenciou.

Trâmite

O projeto aprovado pela Câmara Municipal de Fortaleza segue agora para o Executivo. Por se tratar de um indicativo, o prefeito José Sarto deve encaminhar mensagem à Casa do Povo para a implantação do projeto.

Foto: Érika Fonseca

Veja Mais